Soja em grão lidera pauta exportadora brasileira e gera receita de US$ 17,91 bilhões

Com uma receita no valor de US$ 17,91 bilhões, a soja em grão manteve-se como principal produto exportado pelo Brasil de janeiro a agosto de 2016. Isoladamente, o produto representou 14,5% das exportações totais brasileiras, e suas vendas externas tiveram crescimento de 1% em relação ao mesmo período do ano passado. Os dados são do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC).

Outros produtos da agropecuária que apresentaram crescimento nas exportações de janeiro a agosto de 2016, se comparados ao mesmo período de 2015, foram carne suína in natura (7%, somando US$ 812 milhões); açúcar em bruto (31%, US$ 4,83 bilhões); açúcar refinado (12%, US$ 1,29 bilhão); milho em grãos (65%, somando US$ 2,65 bilhões) e suco de laranja (17%, US$ 728 milhões).

O Brasil é o maior produtor e exportador mundial de suco de laranja. Alguns fatores que podem ter influenciado o aumento expressivo nas exportações no decorrer de 2016 são o aquecimento da demanda mundial por este suco e movimento de estoques (fazendo que o produto seja armazenado e vendido no exterior). Os principais destinos do suco de laranja brasileiro são União Europeia e Estados Unidos, respectivamente.

Dos produtos do agronegócio, a maior queda das exportações ocorreu com o café em grão, 24%, passando de US$ 3,69 bilhões em 2015 para US$ 2,80 bilhões este ano.



menu
menu