CNC sedia Seminário Internacional de Turismo Sustentável no Rio

Com a proposta de propiciar e construir uma estratégia nacional para a sustentabilidade no turismo, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) apoia e sedia, no Rio de Janeiro, dia 30 de novembro, o Seminário Internacional de Turismo Sustentável. O evento, organizado pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), vai reunir palestrantes nacionais e internacionais, trade turístico, autoridades, estudantes e pesquisadores para discutir estratégias e práticas de sustentabilidade para o turismo e as oportunidades para desenvolvê-las.

“Hoje, pensar e planejar a continuidade de um empreendimento requer, além de pensar em seu retorno financeiro, levar em consideração de que forma ele afeta o ambiente e a vida das pessoas. As boas práticas que serão apresentadas e debatidas no seminário mostram que investir em sustentabilidade também pode ser um diferencial competitivo”, afirma o presidente do Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade (Cetur) da CNC, Alexandre Sampaio.

O seminário destaca o início das comemorações de 2017, declarado o Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento pela Organização Mundial do Turismo (OMT). O evento vai cobrir os principais processos do turismo, com palestrantes abordando aspectos da hotelaria, operadoras, destinos, unidades de conservação e normalização.

A primeira sessão ficará a cargo de Alexandre Garrido, coordenador da Comissão de Estudos de Gestão da Sustentabilidade para Meios de Hospedagem, com apresentação sobre o Turismo Sustentável no cenário internacional. Na sequência, cases de sucesso vão mostrar os bons resultados da gestão da sustentabilidade nos meios de hospedagem. O seminário ainda terá mesas-redondas abordando a contribuição de operadoras, parques e o setor de alimentação ao tema.

Brasil é exemplo para nova norma ISO de sustentabilidade em hospedagem

O seminário acontece em paralelo à segunda reunião do grupo de trabalho da International Organization for Standardization (ISO) sobre turismo sustentável, que está desenvolvendo uma nova norma de sustentabilidade para os meios de hospedagem com base na norma brasileira da ABNT. O encontro paralelo acontece de 28 a 30 de novembro. A proposta de criação da norma internacional de sustentabilidade para meios de hospedagem foi feita pelo Brasil em 2015 e aprovada oficialmente em maio de 2016.

Esse trabalho é realizado pelo comitê técnico responsável pela elaboração das normas internacionais do setor turístico, composto por 58 países de todos os continentes.
A aprovação levou o Brasil a liderar e coordenar o processo. A conquista é um reconhecimento ao trabalho que vem sendo realizado pelo setor turístico no País há mais de uma década.



menu
menu