Exportações da China caem 4,1% em maio, enquanto importações recuam 0,4%

As exportações chinesas em dólares continuaram a cair em maio na comparação anual, uma vez que a demanda global por produtos chineses permanece fraca, de acordo com dados oficiais divulgados nesta quarta-feira.

As exportações caíram 4,1% em maio, na comparação com o mesmo período do ano passado, após recuar 1,8% em abril, segundo dados da Administração Geral de Alfândegas.

O resultado das exportações, no entanto, veio melhor que estimativa média de queda de 4,6% de 16 economistas consultados pelo Wall Street Journal.

Já as importações recuaram 0,4% em maio ante igual período do ano passado. Em abril, a queda foi de 10,9%. Analistas estimaram um recuo médio de 6,6% para março.

O superávit comercial chinês avançou em maio para US$ 49,98 bilhões de US$ 45,56 bilhões em abril, mas ficou aquém da previsão dos economistas, que previam um superávit de US$ 59,65 bilhões no período.



menu
menu